Banco do Povo Paulista premia unidades com melhor desempenho de 2013

BPP premia unidades em oito categorias (foto: Paulo Cesar Rocha)

5ª edição do prêmio anual estimula o trabalho dos agentes de crédito

São Paulo, 11 de abril de 2014 – Às 10h da próxima terça-feira (15), o Banco do Povo Paulista (BPP) premia as unidades que obtiveram melhor desempenho em 2013. O Palácio dos Bandeirantes sedia a 5ª edição do prêmio anual e reúne autoridades e agentes de crédito.

São oito categorias – sete por número de habitantes e uma para a unidade com o maior índice de produção per capita – premiadas pelo maior programa de microcrédito do país, gerenciado pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT). Serão contempladas cidades de até 7,5 mil, 15 mil, 30 mil, 50 mil, 100 mil, 300 mil e acima de 300 mil habitantes.

“O prêmio estimula o trabalho dos agentes de crédito, que são peças fundamentais neste processo. Desde o ano passado, eles vêm sendo reconhecidos pela Lei 14922/2012, que instituiu o bônus por participação nos resultados”, afirma o secretário de Estado do Emprego, Tadeu Morais.

Antonio Mendonça, diretor-executivo do BPP, destaca três pontos importantes na premiação. “Reconhecemos e valorizamos o trabalho dos agentes de crédito e as parceiras entre Estado e prefeituras”, resume. Para ele, os números tendem a crescer após a redução da taxa de juros para 0,35% e a ampliação do limite de crédito para R$ 20 mil, ocorridas em fevereiro.

A ex-agente de crédito Ana Luiza Teixeira exemplifica a valorização dos agentes de crédito. Há mais de 14 anos no BPP, a atual coordenadora do Núcleo Suporte às Unidades ressalta a participação desses profissionais. “Acompanho a evolução do Banco, e nada disso aconteceria sem a responsabilidade e envolvimento dos agentes de crédito”, diz.

Mais sobre o BPP

O Banco oferece linhas de crédito aos microempreendedores que variam entre R$ 200 e R$ 20 mil, que podem ser quitadas em até 36 parcelas. A taxa de juros mensal de 0,35% é a menor do país. Não há taxas adicionais. Depois de ter o cadastro aprovado, o empreendedor recebe o dinheiro em até 72 horas. Atualmente, são 517 cidades atendidas e 527 unidades instaladas.

Podem solicitar empréstimos pessoas físicas ou jurídicas desde que não ultrapassem faturamento mensal de R$ 30 mil. Trata-se de crédito para fins produtivos. O BPP não faz empréstimo para consumo.

Nos três primeiros meses do ano, o Banco registrou aumento de 47% no montante emprestado. Foram R$ 52,9 milhões emprestados, contra R$ 36 milhões no mesmo período de 2013.

Em 15 anos, o programa emprestou mais de R$ 1,3 bilhão a 345 mil empreendedores.

Confira relação de endereços completa no site: www.bancodopovo.sp.gov.br

Tadeu Inácio

Assessoria de Imprensa da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT)