Carrefour realiza mais dois processos seletivos na SERT

São Paulo, 23 de março de 2017 –  O Grupo Carrefour Brasil, maior parceiro da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT) no oferecimento de vagas de emprego, realizou mais duas seleções na sede da Pasta nesta quinta feira (23 de março). As oportunidades são para operadores de loja em quatro novas unidades Carrefour Express da Capital.

Os processos foram conduzidos pelo especialista de RH do Grupo, Nestor Santiago, pela analista Luana Teixeira e pelo supervisor da loja da Mooca, André Sílvio Pinto da Motta, que também relatou um pouco de sua experiência de cerca de um ano na empresa para os participantes, sanou dúvidas e deu orientações sobre as atividades realizadas nas lojas. Eles foram assessorados pelo supervisor de Captação de Empresas da SERT, Leandro Ribeiro, e funcionários do setor.

IMG_4921  IMG_4918

Aracele Leal e Jeferson Alves participaram da dinâmica do período da tarde. Apesar de histórias diferentes, os dois possuem algo em comum: a desenvoltura.

Aracele tem 28 anos, duas filhas e é casada. Desempregada há um mês, já tem pressa em encontrar uma nova colocação. Com experiência em redes de varejo, gosta de trabalhar com o público e acredita que o segredo de um bom negócio é atender o cliente sempre com sorriso no rosto.

Jeferson, com apenas 21 anos, já tem muita história para contar: atuou em diversas funções como operador de telemarketing, promotor de vendas e vendedor. Está sem trabalho remunerado há oito meses e ficou empolgado em participar do processo seletivo. “Achei bacana. Aprendi bastante com eles, com a forma como eles trabalham.”

Agora, Aracele, Jeferson e os outros 12 participantes aguardam a conclusão do processo seletivo. Indagado sobre as características que o Grupo Carrefour procura nos candidatos, o especialista de RH explicou que para as lojas Express o principal é ser um funcionário multifunção. “É preciso falar bem, dar um atendimento diferenciado ao cliente e gostar de gente”, afirmou. O Grupo oferece plano de carreira, por isso, querer evoluir é um diferencial. 

Assessoria de Comunicação/SERT
Texto e imagem: Jaqueline Gonçalves