Comissão Estadual do Emprego reúne conselheiros na Capital

Encontro posicionou os integrantes da Comissão a respeito do Sistema Único do Emprego e petições de cada reunião

São Paulo, 15 de maio de 2014 – Cerca de 40 membros da Comissão Estadual do Emprego (CEE), de mais de 15 cidades, se reuniram no auditório da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) na manhã desta quinta-feira (15). No local, foi realizada a reunião mensal da CEE, promovida pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT). Participaram do encontro membros de diversos municípios do Estado, diretores regionais da Secretaria, conselheiros e convidados.

A mesa que deu início aos trabalhos contou com o secretário-adjunto do Emprego e vice-presidente da CEE, Eufrozino Pereira, o presidente da Comissão, Argemiro Leite; a diretora da CEE, Silvia Inêz Machado; o economista e Superintendente do Instituto de Economia Gastão Vidigal da ACSP, Marcel Solimeo; o coordenador da Coordenadoria de Operações (COP) da SERT, Marcos Wolff e a representante da Acsp e conselheira da CEE, Carolina Terzi.

“Como vice-presidente da Comissão, é gratificante ver que todos os membros se empenham em conhecer suas cidades, apresentam projetos para o desenvolvimento regional e a criação e manutenção dos empregos ofertados”, afirmou o secretário-adjunto do Emprego, Eufrozino Pereira.

A pauta do encontro mensal foi, essencialmente, o andamento da proposta do Sistema Único do Trabalho junto ao governo federal, bem como a atuação dos integrantes da SERT, que representam o Estado de São Paulo no projeto. Além disso, os presentes definiram por aclamação empossar o novo presidente da CEE – que de acordo com estatuto da Comissão, será o atual vice-presidente e representante da Secretaria, o adjunto da SERT, Eufrozino Pereira – na última quinzena de julho, devido ao encerramento dos jogos da Copa do Mundo, em 13 de julho.

De acordo com Marcos Wolff, coordenador da COP e conselheiro da CEE que esteve nas reuniões no Ministério do Trabalho, em Brasília, e junto aos integrantes do Fonset (Fórum Nacional das Secretarias do Trabalho), na Bahia, a discussão em prol da implantação desse projeto está em andamento. “Entregamos o nosso projeto no mês de abril. De acordo com o representante do Fonset, até julho o Sistema Único do Emprego deve ser aprovado. A nossa proposta é os trabalhadores de todos os estados brasileiros sejam beneficiados com essa ferramenta”.

Mais sobre a CEE
A CEE auxilia na definição de políticas que compõem o Sistema Público de Emprego do Estado. Através de reuniões periódicas, a Comissão – organizada de forma tripartite (governo, trabalhadores e empregadores) -, busca soluções para o desemprego e propõe a troca de experiências regionais, para o fortalecimento das políticas públicas municipais voltadas à criação de trabalho e geração de renda. Atualmente, são mais de 400 CMEs ativas no Estado.

Silvana Chaves
Assessoria de Imprensa da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho