Formandos do PEQ são diplomados em Cesário Lange e Alumínio

São Paulo, 2 de maio de 2017 – O Programa Estadual de Qualificação Profissional (PEQ) celebrou, na última quinta-feira (27 de abril), as formaturas de mais cinco turmas: Técnico de Vendas e Operador de Caixa em Cesário Lange, e Assistente Administrativo, Auxiliar de Pessoal e Almoxarife em Alumínio.

O primeiro evento contou com as presenças do vice-prefeito Gilberto Radicce, do presidente da Câmara Marcos Vinicius de Camargo Moura, da secretária municipal de Educação Eliane Coelho Teodoro Aires, da presidente do Fundo de Solidariedade de Cesário Lange, Elza Maria Radicce e da diretora do Departamento de Assistência e Desenvolvimento Social Cristiane Franci.

IMG_6905Isabel Aparecida Pereira da Silva, 32 anos, estava acompanhada do filho Matheus, de três, para receber o diploma de Operadora. Tem experiência de nove anos na área de produção em indústrias, mas devido à frágil saúde do pequeno precisou deixar que o marido, pedreiro, passasse a arcar sozinho com as despesas. Como o garoto está melhor, as ofertas na área de Construção estão rareando, participou como uma tentativa de voltar para o mercado. “Quero tentar aqui na cidade mesmo. Enquanto isso, faço crochê para ajudar nas contas”, disse.

Em Alumínio, prestigiaram o evento o vice-prefeito Anderson Constante, o presidente da Câmara Eduardo Jesus de Melo (“da Delegacia”), a presidente do Fundo de Solidariedade Lena Pires e a diretora do Departamento Municipal de Educação, Andreia Juliana Pires.

IMG_6936Rafael Alves da Silva, 28 anos, foi um dos alunos do curso de Assistente Administrativo. Desempregado há quase um ano, sempre atuou na Construção – o posto mais recente foi numa terceirizada, dentro de uma empreiteira, onde permaneceu por sete meses até o término da obra. Pai de duas crianças, faz “bicos” e recebe uma bolsa governamental. Maranhense, aguarda receber seu histórico escolar, vindo de lá, para retomar os estudos. “Fiz só até a sétima série. Esse curso me deu impulso pra voltar. Achei a área interessante, era de graça. E traz um conhecimento melhor pra gente, né?”, pergunta, timidamente.

O secretário estadual do Emprego e Relações do Trabalho, José Luiz Ribeiro, salientou a importância da busca pelo conhecimento. “Vivemos num mundo globalizado, em que a tecnologia está cada dia mais avançada. Daqui uns dias a gente não sabe nem mexer mais na TV! Em qualquer ramo precisamos aprender mais. Se a economia voltar a crescer, quem vai ter mais oportunidade é quem se qualificar. As duas prefeituras estão de parabéns por estarem preparando pessoas para esse novo cenário. Esses cursos são só o começo. Nós, da Secretaria, permanecemos à disposição”, concluiu.

Sobre o PEQ
Ligado à Coordenação de Políticas de Emprego e Renda da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (CPER/SERT), o PEQ busca capacitar o aluno para aumentar suas possibilidades de inserção no mercado de trabalho. Os cursos têm carga horária de 160 horas, divididos em habilidades gerais e específicas. Os participantes que não possuem renda recebem bolsa-auxílio e auxílio-transporte.

Assessoria de Comunicação/SERT
Texto e fotos:
Adriana Rota