Mulher lidera participação no Time do Emprego

Mais de 2,7 mil participantes foram atendidas neste ano

Recente levantamento da Secretaria estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT) registra que as mulheres representam 67% do total de inscritos no programa Time do Emprego. “A mulher se prepara cada vez mais para entrar no mercado de trabalho, e vem fazendo a diferença na sociedade, através de muito empenho, garra e dedicação”, afirma a supervisora do programa, Françoise Antunes. O Time do Emprego, coordenado pela SERT, capacita o cidadão, a partir dos 16 anos, a retornar ou ser inserido no mercado de trabalho.

Dos 4.125 participantes (189 turmas) entre janeiro e setembro deste ano, 2.753 foram mulheres – 67% do total. “Esses números demonstram que a mulher entrou no mercado de trabalho pela competência e, principalmente, pelo conhecimento, pela vontade de se aperfeiçoar, de estar mais preparada”, afirma o secretário de Estado do Emprego, Tadeu Morais.

Alto Tietê, com 40 turmas promovidas, lidera o ranking regional deste ano, seguido por Piracicaba, 29, e Sorocaba, 20. Do total de participantes, 1.242 foram admitidos depois de participarem do programa.

Em 2014

Total de participantes Mulheres Porcentagem
4.125 2.753 67%

O domínio feminino no programa se mantém desde 2011. De lá para cá, foram 25,5 mil cidadãos atendidos – 16,9 mil mulheres (66,2%).

Para Antunes, alguns fatores são responsáveis pela maior presença da mulher no Time do Emprego. “Muitas participantes, até então donas de casa, desejam voltar ao mercado de trabalho depois de criarem seus filhos. Os homens, além de conseguirem empregos informais com menos dificuldade, são mais resistentes a procurarem por essa capacitação”, garante.

Sem deixar a ‘peteca cair’

Maria Aparecida conseguiu emprego após participar do programa estadual (foto: Paulo Cesar Rocha)

Maria Aparecida Valois, 44, técnica em Radiologia, participou do programa no final do ano passado. Mãe de duas filhas e moradora da Vila Formosa, zona leste da capital, ela estava desempregada desde setembro de 2013, quando se inscreveu no programa depois de ler uma matéria em um jornal impresso. “Nunca deixei a ‘peteca cair’. O apoio da minha família foi muito importante para que eu superasse este momento”, lembra.

Após ter participado do “Time”, Maria foi admitida, em janeiro deste ano, como atendente de internet em uma rede de concessionária de veículos. “As trocas de experiências e conhecimentos específicos em português, matemática e redação são ferramentas importantes para participar dos processos seletivos. Inclusive, muitas pessoas que participaram comigo (do programa) conseguiram emprego depois do programa”, afirma.

Mudança de ares

“Uma pessoa super alto astral, mas um pouco atrapalhada”. É o que afirmam as facilitadoras (profissionais responsáveis pela abordagem dos conteúdos) do Time do Emprego em São Roque. Sheila Janaína, 27, sempre trabalhou no ramo de gastronomia, mas estava à procura de um emprego no setor administrativo. Após várias entrevistas frustradas, no final do ano passado, sua prima a convidou para participar do programa.

“O Time do Emprego fez uma grande diferença em minha vida. Com as aulas, pude identificar os erros que eu cometia nos processos seletivos”, explica. Um mês após ter participado do programa, conseguiu um emprego como auxiliar administrativa.

Como funciona

O programa forma turmas de até 30 participantes, que funcionam como equipes na troca de experiências e aprendizado. Durante 12 encontros – um a cada semana, com duração de três horas – os facilitadores apresentam técnicas de direcionamento ao mercado de trabalho, aperfeiçoamento de habilidades, produção de currículos, dicas de comportamento em entrevistas, entre outros assuntos.

Capacitação

Neste ano, 99 municípios foram contemplados com 168 facilitadores formados. Desde 2011, 402 facilitadores foram capacitados. “O objetivo da SERT é que o Time do Emprego chegue a todos os municípios de São Paulo que tenham mais de 10 mil habitantes”, afirma o secretário Morais.

Gabriel de Luna

Assessoria de Imprensa da SERT