PEQ qualifica trabalhadores de Louveira

Cursos de assistente administrativo e auxiliar de recursos humanos foram aplicados no município

O auditório da câmara municipal de Louveira estava repleto de jovens na noite da última quinta-feira. Entre formandos, amigos e familiares, todos prestigiaram o encerramento de duas turmas do Programa Estadual de Qualificação (PEQ). No total, 60 pessoas participaram do programa entre os cursos de assistente administrativo e auxiliar de recursos humanos.

“O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é o dicionário”, disse o secretário interino de Estado do Emprego, Eufrozino Pereira, que prestigiou a formatura. Além de Pereira, estiveram presentes também o presidente da câmara municipal, José Marcos de Oliveira, a diretora regional da SERT em Campinas, Ana Paula Marques, o presidente da SinComerciários, Milton de Souza, entre outras autoridades da cidade.

O PEQ busca qualificar o trabalhador para aumentar as chances de entrada no mercado de trabalho. Os cursos têm carga horária de 230 horas, divididas em habilidades gerais e específicas, com uma bolsa auxílio de R$ 330 mensais.

“Esse é um momento de alegria. É um estímulo para a juventude que está aqui. É importante se qualificar sempre. Neste momento, a vivência de dias juntos é muito importante. Nós temos mais de 14 milhões de trabalhadores fora do mercado de trabalho no Brasil. Temos jovens em busca do primeiro emprego”, afirmou o secretário.

“Espero que a gente tenha mais cursos por aqui para que, nesta falta de empregos, vocês possam adquirir conhecimento”, disse o presidente da câmara, conhecido também como Marquinhos do Leite, em pedido ao secretário. “O curso vem em uma hora excelente para vocês todos. Estamos aqui para ajudar o trabalhador. Este é um começo. Daqui pra frente, vocês não podem parar. Visitei algumas aulas e vi o empenho de todos”, disse Araújo.

Responsável pela aplicação dos programas da SERT na região de Campinas, Ana Paula destacou o trabalho dos professores. “O professor é quem nos representa em sala de aula. O sucesso está na mão dos alunos, mas os professores têm importância fundamental neste processo. Que este curso seja mais um passo na vida de vocês”, disse a diretora. “O curso vai além da parte técnica. Tem a ver com as relações humanas também. É um aprendizado que levamos para a vida”, completou.

Os responsáveis pelo ensino nas turmas foram os professores Pedro Tavares, no curso de assistente administrativo, e Stella Canto, no curso de auxiliar de recursos humanos.

Mais sobre o PEQ

Lançado no dia 23 de junho de 2008, o Programa Estadual de Qualificação Profissional beneficia, de forma sintonizada, tanto o mercado de trabalho quanto as pessoas que procuram emprego. Os cursos foram definidos de acordo com os segmentos com maior demanda e atendem cidadãos que estão no auge da capacidade produtiva, têm grandes responsabilidades familiares e menos chance de voltarem para a escola..

É voltado, prioritariamente, para quem está desempregado, tem entre 30 e 59 anos e não concluiu o ensino fundamental. Essa é a faixa populacional que tem mais dificuldade em encontrar emprego.