Programa Estadual de Qualificação forma 53 alunos em Ourinhos

Bruzarosco participou da entrega dos diplomas; cerimônia aconteceu na noite do último dia 20

Ourinhos, 20 de setembro de 2013 – Na noite da última sexta-feira (20), mais duas turmas do Programa Estadual de Qualificação (PEQ), gerenciado pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT) em parceria com o Centro Paula Souza, celebrou o término das atividades. Em Ourinhos, o secretário adjunto da pasta, Aparecido Bruzarosco, prestigiou a formatura de 53 alunos – 25 do curso de Cuidador de Idosos e 28 em Pintura e Texturização Residencial.

“A qualificação tem se tornado cada vez mais importante em todo o país. E no Estado de São Paulo não é diferente. Por isso, a Secretaria do Emprego tem intensificado investimentos em cursos de capacitação para atender as necessidades dos municípios paulistas”, afirmou Bruzarosco.

Também estiveram presentes o secretário de Desenvolvimento Econômico local, José Claudinei; a diretora técnica da ETEC, Claudia Fernandes; a coordenadora do PEQ na cidade, Elizeth Maria; além de professores, alunos e ex-alunos.

“O PEQ é importante para capacitar o cidadão na busca por um emprego e incluí-lo no mercado de trabalho com dignidade”, pontuou Maria.

Novas oportunidades

Concluída em 03 de setembro, a turma de Cuidador de Idosos formou Edvaldo Luiz, 18. “Optei por este curso, pois sou estudante de Técnico em Enfermagem e acredito que o aprimoramento era necessário”, disse confiante.

As aulas de pintura foram concluídas em 13 de setembro. A formanda Patrícia Cristiane, 39, demonstrou satisfação pelos novos conhecimentos adquiridos. “Pinto telas e gosto de mexer com o meu jardim. Então, me inscrevi no curso para aprender a pintura e texturizar paredes. Assim, poderei melhorar o aspecto da minha casa”, pontuou.

Mais sobre o PEQ

A SERT e o Centro Paula Souza assinaram acordo que prevê a qualificação de 7,8 mil trabalhadores em 195 municípios paulistas. Na primeira fase, foram 1530 cidadãos contemplados, divididos em 51 turmas, em 39 cidades: Adamantina, Aguaí, Andradina, Araçatuba, Araras, Barra Bonita, Bebedouro, Cachoeira Paulista, Cândido Mota, Cubatão, Fernandópolis, Ilha Solteira, Indaiatuba, Ituverava, Jaú, Mococa, Mogi Mirim, Ourinhos, Palmital, Penápolis, Penápolis, Pindamonhangaba, Piracicaba, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Registro, Rio Claro, Santa Cruz do Rio Pardo, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, São Sebastião, São Simão, São Vicente, Serrana, Sertãozinho, Teodoro Sampaio, Tietê e Tupã.

O programa é voltado, prioritariamente, para quem está desempregado, acima dos 16 anos e que não receba qualquer auxílio do governo, como seguro-desemprego, por exemplo. A escolaridade mínima varia conforme o curso. Mensalmente, os alunos recebem auxílio-transporte no valor de R$ 120, lanche, material didático e uma bolsa-auxílio de R$ 210.

Carla Salomão

Assessoria de Imprensa da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT)