SERT celebra Dia Internacional da Mulher

Comemoração reuniu todas as funcionárias da Pasta

DSC_2680

São Paulo, 8 de março de 2016 – O dia na Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho amanheceu mais perfumado nesta terça-feira (8 de março). O auditório local recebeu todo o poderio feminino da SERT para comemorar o Dia Internacional da Mulher.

O titular da Pasta, José Luiz Ribeiro, o adjunto Eufrozino Pereira, o chefe de Gabinete Jefferson Coriteac, os coordenadores Luciano Martins Lourenço e Helder Bovo recepcionaram as servidoras, que receberam flores e participaram de sorteios. O clima foi de alegria e descontração.

Zé Luiz agradeceu pelo “empenho, honradez e dignidade” com que as homenageadas ‘cuidam’ da Secretaria. “Se a coisa caminha bem é porque há espaço para que vocês mostrem seus talentos e qualidades, e esperamos que ele seja cada vez maior. Todas são igualmente importantes, independente da função. Precisamos da força que vocês transmitem para que a Secretaria permaneça firme.”

Pereira arrancou aplausos, brincando com a platéia, mas não esqueceu de frisar a luta histórica das mulheres. “Hoje é dia de alegria. Vocês conquistaram muito e vão conquistar ainda mais”, afirmou.

Coriteac exaltou a força feminina. “Vocês comandam, sabem segurar as pontas, fazer as coisas com carinho e dedicação. Quero agradecer o empenho de cada uma. E, claro, não podemos esquecer o porquê desta data”, disse.

Lourenço destacou a importante presença das mulheres em posições de comando dentro da Pasta, enquanto Bovo lembrou da situação difícil em que se encontra o País e o quanto a participação feminina é relevante para ajudar na mudança de rumos.

Clique aqui e veja fotos do evento

Mudança de mentalidade

Cristina Faquinelli, 38, faz parte da equipe do Banco do Povo Paulista há um ano. Dentre os desafios encontrados no dia a dia, ela crê que o maior seja a diferença entre homens e mulheres. “Existe uma visão extremamente masculina, onde apenas homens podem ocupar cargos e salários elevados”, afirma.

Cristina, porém, crê numa mudança. “Espero que um dia essa cultura saia do cotidiano. Isso não depende de mudança de atitude ou de algum esforço das mulheres, mas da mudança na mentalidade do ser humano”.

Igualdade na diversidade

Casada e com dois filhos, a auxiliar da captação de vagas Rosimeire Sousa, 38, tem a meta de se superar a cada dia. “Tanto em casa como no trabalho, procuro melhorar as minhas tarefas. Assim, posso crescer profissionalmente e na vida pessoal”, diz.

Com planos de iniciar a faculdade de psicologia na área de recursos humanos, Rosimeire diz que é fundamental a presença da mulher no ambiente de trabalho. “É sempre bom que haja um equilíbrio, uma igualdade. É muito boa a integração que acontece entre homens e mulheres no dia a dia. Ambos crescem juntos e a empresa só tem a ganhar com isso”.

O desejo da SERT é que todo dia seja o dia da mulher. Parabéns!