SERT inicia ciclo de capacitação dos PATs

Encontro reuniu servidores dos postos da Capital e Grande São Paulo

“A esperança não é a última que morre. Morre quem perde a esperança”. A frase, muito utilizada pelo secretário de Estado do Emprego, José Luiz Ribeiro, será a tônica dos encontros de capacitação dos servidores da SERT nos Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) em 2016. O ciclo teve início nesta quinta-feira. O curso reuniu cerca de 50 funcionários dos postos da Capital e Grande São Paulo.

O dia começou com a presença do secretário Zé Luiz, do chefe de gabinete da SERT, Jefferson Coriteac, e do diretor regional da Capital, Sidnei Silva. Logo após seus pronunciamentos, o supervisor de treinamento Paulo Pequeno iniciou os trabalhos com explicações sobre o cadastramento de trabalhadores.

“Nós podemos parar de estudar, mas não de aprender. A vida é um eterno aprendizado”, afirmou Zé Luiz. O secretário destacou o valor que deve ser dado ao treinamento. “O cidadão merece um atendimento de qualidade e vocês estão aqui para aprimorar isso. Precisamos deixar uma boa imagem para que eles se sintam confortáveis em voltar.”

Coriteac exaltou a importância de se ter dedicação no atendimento ao público. “Temos que deixar nossos problemas pessoais do lado de fora e procurar atender o cidadão da melhor forma possível, com um sorriso, dando a atenção necessária”.

“O PAT é o nosso cartão de visita”, explicou Sidnei. “Todos os programas da secretaria, que não são poucos, estão lá. É fundamental que o cidadão seja bem atendido para que eles possam conhecer mais dos seus direitos”, completou.

Até o fim do ano, todas as regiões do Estado devem ser contempladas pelo ciclo de capacitação.

Mais sobre os PATs

Nos PATs são oferecidos os serviços de Intermediação de Mão de Obra, Habilitação ao Seguro-Desemprego e Emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS. Nesses locais, as pessoas também podem se inscrever no Programa Estadual de Qualificação Profissional (PEQ) e no Programa de Apoio à Pessoa com Deficiência (PADEF) – também gerenciados pela SERT.

Os PATs foram implantados em 1994. Hoje, a rede estadual, dividida em 21 Centros Regionais, é composta por 251 unidades, sendo 30 delas instaladas em unidades do Poupatempo.